sábado, 12 de dezembro de 2009

Minha Janela Aberta

Se o mundo fosse um pouquinho menor, você moraria no andar de baixo, ou logo ali na outra quadra. E eu poderia lhe ver, de vez em quando, na hora de fazer caminhada ou de passear com o meu cachorro. E talvez, pudesse lhe encontrar, sem querer, no meio do caminho à padaria. Seríamos amigos. Vizinhos. E o que mais que a vida quisesse de nós. Seríamos presentes. Um para o outro. Mas, o mundo é do tamanho que é. E eu não reclamo. Até gosto, confesso. E continuo lhe esperando na minha janela...

... do meu computador.

É só você entrar!

24 comentários:

Felicidade Clandestina. disse...

Oun... sempre essas palavras maravilhosas neah flor ?

O amor é digníssimo mesmo!

BJ :*

Mais um imundo no mundo impuro. disse...

É! Um dia foram as cartas,hoje é o computador,mas é certo mesmo que quando é amor sempre dar-se um jeito.

Marco A. disse...

Olá Erica, acredito que independente do tamanho do mundo, o coração e o amor são maiores; mas acredito que entendo seu ponto de vista, porém mesmo que o mundo seja tão grande:

"A vida é um sono de que o amor é o sonho, e vós tereis vivido se houverdes amado". Alfred de Musset

Abraços, bom final de semana,
Marco

Ferdi disse...

Posso me sentir um pouquinho feliz e atingida por conta do nome do texto?

David Sento-Sé disse...

Hoje abri essa janela e descobri que somos vizinhos.Aliás, acho que moramos nós todos no mesmo prédio.
Que bom contar com suas xícaras de açucar quando me faltam as minhas.
Obrigado querida.

Paloma Cândida disse...

Ai Érica confesso que tenho muita preguissa, mas descobri também que se passar o hidratante antes de me enxugar, a pele absorve mais, e da menos trabalho hehehe, .........mas tem dias que durmo como um ralo de pé.....na maior "grossura"rsrsrs, bjão!!!

Luna Cortez disse...

hahaha, menina, posso roubar pra mim esse também? rs

adorei mesmo Erica!

Mariana Andrade. disse...

e quando a plaquinha sobe, um grito eufórico!

adoro teus escritos, erica (:

D i c a disse...

Ri, não de você, mas de mim..
Eu poderia ter escrito isso, se fosse tão boa quanto você.


Beijo!

Fernanda disse...

sabe que eu queria que o mundo fosse menor...seria bem melhor assim...tanta gente mora tão longe e faz uma falta...

Alana, disse...

Ow, que texto lindo *-* Me indentifiquei com ele.

Passa no meu blog?
:*

Anthony Dostoiévski disse...

O mundo só é distante para quem não consegue ver além da "janela"...
pessoas que esperam na janela sabem que há algo nela, mesmo que seja a de um computador...Se o mundo fosse pequeno, não seria mundo, seria um quarto com cartas e textos espalhados pelo chão...
bjim e bom texto

Gisa disse...

rs ahhh se tudo fosse como gostaríamos, seria uma loucura.

... o mundo não é grande não, nosso sonhos que ão sempre imensos hehehe

bjs florzinha (em Veneza tem janela)

Jéssica Trabuco disse...

Ainda bem que há essa janela que nos faz próximos de quem está longe =]

Hosana Lemos disse...

que texto leve, bom de se ler...
*-*

Paloma Cândida disse...

Mulher obrigda pelos parabéns.......vc é ariana né?
Ai ai ai, as arianas são um terremoto de emoções!!!!rsrsrs, convivo com uma e aaammmooooooooooooooooo!!!

Erica Ferro disse...

AAAAAAAAAAAAH!
AAAAAAAAAAAAAAAAAAAH!

Mexeu comigo agora, hahaha!

Velho, eu espero por um certo ser entrar no MSN como espero pela coragem que eu quero que tanto me tome.

Me encantei e fui tocada por teu texto. Me vi nele.

Beijo.

Bê Matos disse...

Sabe, às vezes ser vizinhos, nem ajuda muito.
Digo isso, porque fico horas a pensar no Menino-da-casa-verde que mora aqui, ao meu lado.
E ele? Raras são as vezes que recebo um sorriso ou outro.

Beijos :*

Natália Corrêa disse...

haha, você é muito boa moça! muito boa mesmo!
São tantos os amigos que estão nessa janela (do computador), que as vezes até esquecemos dos vizinhos de porta.

Erica Vittorazzi disse...

Alana, eu não consigo deixar comentário no seu blog!!

Érica Martinez disse...

Ei, Érica-também-com-c, gostei da visita, gostei do seu espaço. Volto sempre. Volte sempre.

beijos simpatizantes. rs

versospoti disse...

... e quem não tem um amor distante?

gostei demais!

*

Mikaele Tavares disse...

Por que nem tudo é do jeito que queremos? =/

Claudinha ღ disse...

"Sempre à espera, na janela, atenta. Parece um alguém que eu conheço e que ainda me conhece muito bem. Alguém que como eu escreve sobre isso, escreve sobre a espera, sobre o sentimento que a faz esperar, sobre o cara do outro lado da 'janela' ou sabe-se lá em qualquer outro lugar. Parece tanto comigo, que sem muito perigo, confesso, sou eu mesma a me declarar."

P.S.:Só um versinho pra o costume não deixar passar...

bjs
Att: Claudinha