segunda-feira, 29 de março de 2010

A verdade

Como vou escrever ? Se meu coração fugiu de casa. Saiu pelas portas do fundo, o covarde.Sem deixar bilhetes. E me deixou assim: Vazia. Oca Mas, então de onde vem toda esta dor? Vem de longe, eu sei. E se instalou bem aqui do lado esquerdo do peito. Ela fala inglês. Repete murder. Murder. Murder. Mordo os meus lábios para não esquecer. Só ai então descubro : meu coração não fugiu de casa, o coitado...

… ele foi assassinado!

(E eu sei por quem. Um crime nunca é perfeito)

24 comentários:

Me disse...

Me lembrou os versos de Cecília:"a maior pena que eu tenho não é de me ver morrendo, mas de saber quem me mata."
Ainda bem que nunca é pra sempre...
Bjos Erica!

David Sento-Sé disse...

Neste escuro oco fitava a porta e a si mesma. Sem porquê, sem reposta, afogava seu futuro no oceano da saudade.
Saudade não de perceber que estavam separados, e sim por saber que um dia estiveram juntos.
Nada é eterno, tudo irá durar apenas o tempo necessário para se tornar inesquecível.

Mariana Andrade. disse...

lembrei dos mesmos versos de cecília, na verdade lembro-me dela em vários dos escritos teus. e ela é das minhas preferidas, sem sombra de dúvidas.
sempre consegues tocar em mim com teus pensamentos.

bjos.

Solange Maia disse...

sabe que aprendi que uma hora "ele" volta... ele sempre volta... seja de fuga ou de assassinato...

Amei saber do teu sonho cheio de cores... de vez em quando, numa conversa, falo de minhas amigas virtuais como se realmente fossemos vizinhas de escritório, como se tivessemos tomado um café juntas de manhã... os laços são assim... quando de afeto, vão direto à alma !

mas quem sabe dia desses a gente toma mesmo um café ? de verdade dessa vez...

adoro você !

beijos carinhosos

Erica Ferro disse...

Corações ressuscitam-se, eles não admitem morrer.
Espere, o seu logo volta a pulsar.

Beijo, Erica.

Nara disse...

Faz o coração viver de novo!
A dor mesmo que venha de longe, passa!

Beijo,
Nara

ErikaH Azzevedo disse...

Coração é feito de matéria infinita...e infinitas são as suas formas de regeneração... nunca morre de vez.

um bjo, desses que tb abraçamn forte, apertado, junto...bem juntinho.

Erikah

Ferdi disse...

Então ele há de ser punido!
Não se assassina corações dessa forma..

Allyne Araújo disse...

oi Erica! a gnte precisa trazer esse coraçao de novo a vida viu? nao pode uma pessoa tao gente boa sofrer assim nao... beijao!!

Mais um imundo no mundo impuro. disse...

Por favor, precisamos urgentemente de um desfilibrador, há um coração que precisa voltar a bater!

Abraços

Elis disse...

Ola, me chamo Elis, e estava passando pelos blogs e achei o seu!
que delícia aqui!
Vou ler mais um pouquinho!
Abraço

Tahiana Andrade disse...

Um crime nunca é perfeito... principalmente quando se trata do assassinato do nosso coração. Conhecemos o assassino, os cúmplices e o pior: o álibe, rs.


Beijos

Luna Sanchez disse...

Luto, então.

E punição, será que vale a pena?

Beijo, beijo,

ℓυηα

* Loja de chocolates? Ui, que charme, moça! Adorei! ^^

guru martins disse...

...nooosssa
mas é tudo
muito bom
por aqui
li muito
e olha que
meu tempo é curto
gosto de escritos assim
rápidos aprisionadores
bem humorados ágeis
e de muita perspectiva...

bj

A.S. disse...

Erica...

Teu coração está mais vivo que nunca! Precisa apenas de ser preenchido com intensas e doces emoções...


BeijO
AL

. disse...

Ótimo Érica!
Adorei!

Beijos!

Lilmi disse...

Não deve ser tão grave, talvez ele só esteja em coma. Logo há de se recuperar.

Sylvia Araujo disse...

Delícia de texto, Erica. Assassinos de coração sempre deixam uma pista, porque, mesmo que um dia, já foram apaixonados. A paixão entrega!

Beijoca

Myrella Andrade disse...

Ainda bem que nunca é pra sempre...
alguém lembro de dizer nesta página;
Lembra também =)
beijos!

Naty Araújo disse...

Adoro quando vc escreve.
Ainda bem que um crime nunca é perfeito... ainda bem..

Desculpe meu sumiço, querida. Estava viajando... Meu vô tava meio doente.
Beijos.

Gisa disse...

... sempre pode ser pior, já pensou se ele disse que ia comprar cigarros??? (muito menos romantico nao é ? rsrsrsrs)

ass: sua amiga louca. :p

' Geane Melo disse...

Perdemos as contas de quantas vzes o nosso coração é assassinado plos caminhos da vida e a dor é sempre mt cruel conosco,mas...sempre conseguimos dar a volta por cima,ou seja,nos refazer,o coração possui infinitas vidas,até encontrarmos o caminho correto...Infelizmente o crime por assassinato neste caso não possui sentença e conhecemos o criminoso mais do q ninguém...

Beijos e n esquece q o nosso coração sempre se refaz...
Ah,Feliz Páscoa,uma das soluções é o chocolate,hehehe!!!

Ágatha Alves disse...

Ah gente sempre sabe quem foi o assassino, mais o coração por momentos parece ser fraco e nos deixa engaanr que ele esteja mesmo morto, mas logo ele ressucita e mais forte do que nunca.

beijos

Mikaele Tavares disse...

E sem o coração e mente de bem, a gente sofre e dói pra caramba.