sábado, 27 de fevereiro de 2010

I will survive

Sentir saudade não é necessariamente querer viver de novo algo que já se passou.
Tenho saudades de muitas coisas, mas sinceramente não quero revivê-las.
Prefiro deixá-las guardadas no baú da memória, como se fosse um vestido lindo que eu tenha gostado muito, usado muito e hoje, ele já não me serve ou não está mais na moda. Mas, eu não tenho coragem de dá-lo e muito menos de jogar fora...
Então, eu o deixo em uma gaveta.
É claro que , de vez em quando, eu o pego e o coloco em frente ao espelho. Neste momento eu percebo que ele não combina mais comigo ou que ele é SIMPLESMENTE (para o meu espanto) a minha cara.
Aí explode um mix de emoções: raiva, alegria, tristeza e medo. Eu o guardo correndo. Pego o meu jeans (Sim, o meu velho jeans de guerra), coloco um salto e enquanto passo o meu rímel, juro que um dia irei jogá-lo fora...

...mas não desta fez!

(Sentir saudade não significa que quero viver algo novamente. Só quero ter saudade.)

31 comentários:

ErikaH Azzevedo disse...

Queres talvez é ter motivos claros, abertos, cognitivos para sentir saudades. Ter saudades até de sentir saudades né! mas não precisa chama-la, ela sempre vem...

A saudade é que nem maré...vai e volta em ondas e sempre desagua no (a)mar de nós.(Erikah Azzevedo)

Um beijinho a ti Xará.

Erikah

ErikaH Azzevedo disse...

Sobre como configurar o email vamos lá, parte por parte.

Vai em personalizar(onde tem o layout, onde vc add os gadgets)

Lá em cima na parte de configurações vc clica e vai até comentários...

Lá embaixo da página onde configura os comentários tem “E-mail de notificação de comentários”...onde vc pode colocar até dez emails onde enviarão pra ti notificações sobre comentários em teus posts...rs

Vê se consegues minha flor...depos me avisa tpa..se não conseguires tentamos de outro jeito.

Bjinhos

Erika

Luz' disse...

Ah saudade!
perfeita cococação!
adorei os textos!

bj e luz!

WiLL (Tanti Moksha) disse...

Gostei!!

e digo mais
é como ler um livro voce sabe os capitulos mais marcantes e gostou deles mas não há necessidade de ficar lendo só aquele capitulo!
o bom é continuar a leitura na espera de mais acontecimentos...

rss

bjo

LLacerda disse...

ótima descrição da saudade =D

meus instantes e momentos disse...

que ótimo post....
gostei disso " só quero ter saudades"
não uma volta , mas a consciencia da saudade..
Gostei
Maurizio

Sol Brito disse...

Perfeito, e o melhor de tudo é quando chega esse dia: o de jogá-lo fora!!
A alegria fica estampada na cara e no coração..sinal de quem sabe o que é melhor e pior pra si nesse momento. Alguém há de aproveitar melhor esse vestido hoje. Não eu.Meu modelito agora é outro..rsrs

Beijos no coração e um ótimo final de semana!!!

Fernanda disse...

por que saudade é o que sobra de algo que já se foi..sem ela,as lembranças nem mais existem por isso o melhor é deixa-lo na gaveta pra que um dia se possa olha-lo e sorri.

Fabiana Cavalcante disse...

A minha cara! Penso da mesma forma... ;)

disse...

Fantástico.
Sou cheia desses vestidos na gaveta, e se quer saber? Não quero nunca tirá-los de lá.
haha
:D

Luna Sanchez disse...

E saudade é bom, é sinal de que a gente viveu coisas que valem a pena ser lembradas. Ruim é melancolia e saudosismo.

Beijo, Erica!

ℓυηα

ErikaH Azzevedo disse...

Conseguiste flor configurar lá o troço? rsrsrs..qualquer coisa grita tá!

Beijocas

Erikah

Katrina disse...

pensei em me livrar da minha saudades, quem sabe a doo para o exército da salvação

Crispi. disse...

Eu gosto muito dos teus textos! E adorei esse em especial. Adoro metáforas :)
E sabe, eu também me sinto assim! Tenho saudades que estão fora de moda, piegas, mas que são saudades, e que não podem simplesmente serem jogadas fora, afinal a moda ás vezes volta né?

Beijos :*

ErikaH Azzevedo disse...

Que bomminha flor.

bjo.

Marie disse...

Eu joguei a chave do meu baú fora porque não suportei experimentar as velhas roupas e perceber que elas ainda me serviam e que sempre foram a minha cara. A moda renovou todo o meu guarda-roupa, agora a saudade é apenas uma estação de outono que se passou e levou folhas caidas ao vento. Os outonos sempre voltam, mas o tom amarelo das flores sempre mudam.Sempre...

Marie disse...

And you will survive....
Always

Me disse...

O melhor é viver cada coisa a seu tempo! saudade sem apego...
bjos!!!

Solange Maia disse...

saudade....
também gosto de sentir...
mas as vezes me deixa melancólica...

beijo carinhoso

Solange Maia disse...

saudade....
também gosto de sentir...
mas as vezes me deixa melancólica...

beijo carinhoso

Solange Maia disse...

saudade....
também gosto de sentir...
mas as vezes me deixa melancólica...

beijo carinhoso

Rafael Castellar das Neves disse...

Oi Erica....

Gostei disso...também tento jogá-las fora, mas elas insistem em voltar e me lembrar do tudo quando elas eram apenas os momentos...mas por outro lado, servem como sinalizadores: olha, Rafael, lembra como foi? vc quer de novo? rrsrsrsrsr

Então, continuemos assombrados...rsrs

Beijo..

Anthony Dostoiévski disse...

É tão gostoso sentir saudades né?
Porém nem sempre, quando tentamos viver novamente o que nos deu saudade, ele acontece novamente. Pois a saudade bate, pelo motivo de aquele momento ter se tornado único...

bjim e bom texto

Mais um imundo no mundo impuro. disse...

Oi!

Quando a saudade não machuca tbm gosto de sentir!

Olha que legal, no dia 23/02 eu fiz uma postagem com esse título, achei massa!

Abraços!

Renato Hemesath disse...

Você me impressiona, não tenha dúvidas quanto a minha sinceridade, rs.

Achei interessante que tuas palavras mostram o quanto precisamos reviver certas coisas: momentos, pessoas, gestos. E quando não simbolizamos, quem nos tornamos? :/

Beijos querida!

David Sento-Sé disse...

Só o esquecer permite a entrada do novo. Só o rever promove a avaliação. Só o entender mostra o erro ou acerto. E só assim virá a saudade ou a paz no coração.

Velhos vestidos ou as mesmas calças, serão aos olhos de quem vê o rastro de lágrimas ou o risco de um bom e velho rimel.

Mulher na Polícia disse...

Se for um vestido bonito... acho que vale a pena conservar.

Se provoca sentimentos ruins... joga fora logo, amiga.

Maravilhoso esse texto, Érica!!!
Parabéns, mesmo.

Mikaele Tavares disse...

Nossa..Adorei a forma como vc descreveu a saudade..Eu tbm sinto saudades de muitas coisas, mas não queria viver td novamente..

Beijos

Erica Ferro disse...

Sintamos saudade, doces saudades, bonitas saudades...
Como a Má, sou cheia de vestidos antigos, porém, lindos... E é, não penso em me desfazer deles.
Minhas recordações, que sempre me acarinham quando eu preciso ou quando eu simplesmente lembro.

Beijo.

Mulher na Polícia disse...

Em tempo, Doutora Erica,

Passei pra avisar que criei um gadget para o DOPs - Divisão de Operações Psicológicas no meu blog para agrupar os blogs dos psicólgos e psicanalistas que eu mais gosto.

Então, não liga não, tá?
É só uma brincadeirinha.

Um beijo!

Naty Araújo disse...

Ahhhhh que lindo...
É assim memso.
Sentir saudades quer dizer que algo que fizemos foi ótimo, foi muuuuuuito bom... mas se acontecesse novamente não seria exatamente assim de novo, né?

Perfeito!
É o que estou sentindo no momento.

Bjão.