quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Além do horizonte

Quem conhece as minhas dores, além de mim mesma? Meus sonhos, meus limites, meu céu e meu chão? Se a minha companhia é a solidão e o meu desabafo é o espelho. Quem poderá falar dos meus demônios? Sem ter frequentado o meu paraíso. Nunca expulsei ninguém...


... não ofertei maçãs, por aqui.

5 comentários:

Maíra Cintra disse...

Ninguém conhece melhor do que nós mesmos!
Um grande e triste verdade!
Beijos

Ártemis Rae disse...

Por que cada um sabe de si mesmo, né?
Gostei muitoo!
Bjo

Anthony Dostoiévski disse...

"Conhece-te a ti mesmo"...
acho que é isso ai né?

porque somente a gente pode dizer com quem estamos andando e como estamos indo...

braço e bom texto

Ana Andreolli disse...

ai q coisa mais linda!!! vou guardar =)

Maxwell Soares disse...

Somos,ainda, um labirinto escarpado. Parabéns pelo blogger. O meu está de portas abertas...